Segunda-feira, agosto 15, 2022

Uma ilha onde as mulheres estão no comando de tudo

Imagine viver em uma pequena ilha com interior arenoso, uma costa rochosa, muito úmida e com invernos em que o normal é o termômetro ficar próximo de zero. Para comer e se sustentar, a pesca se torna ainda mais necessária do que normalmente é em qualquer comunidade litorânea. Essa é a realidade há gerações em duas pequenas ilhas do Mar Báltico, Kihnu e Manija. A pesca e a caça de focas mantém, desde o século 19, os homens de Kihnu longe de casa por meses. As mulheres permaneciam para trabalhar a terra e manter os afazeres domésticos

E ainda tinham um tempinho para desenvolver uma cultura local ricamente expressada, especialmente, nas roupas e na música. Em teares tradicionais e com lã local, elas tecem e tricotam blusas, saias, luvas e meia cheias de listras, cores e bordados sofisticados que fazem referência a lendas próprias. Nas atividades coletivas de artesanato e celebrações religiosas, as mulheres sempre cantam. Nesse farto repertório musical, existe uma tradição oral pré-cristã, as canções rúnicas

- Publicidade -- Publicidade -
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

POPULARES