O Colégio Estadual Dr Abner Araújo Pacini, do município de Almas, jurisdicionado à Diretoria Regional de Educação de Dianópolis promoveu o Dia da Família na Escola, com o objetivo de incentivar os pais no acompanhamento dos filhos no desempenho do ensino e aprendizagem, além de alertar a comunidade local e escolar sobre os riscos quanto ao uso das drogas. A ação ocorreu em 14 de dezembro.

Na oportunidade foram discutidas e divulgadas as Normas de Gestão e Convivência para o ano letivo de 2020, bem como o repasse de informações sobre as estratégias de matrículas.

Fernando François de Oliveira Santos dos Santos, coordenador da Fazenda Esperança de Dianópolis, dirigiu o momento com algumas ações destacando-se música, depoimentos de ex-usuário de drogas e reflexões sobre o tema.

Na oportunidade, foram discutidos assuntos como a importância do contato da Fazenda da Esperança com as escolas, os métodos de trabalho com seus aspectos determinantes no processo pedagógico e a convivência em família, além da espiritualidade para encontrar o sentido da vida.

Os pais tiveram acesso às normas de convivência, para análise e alterações. Este documento será entregue aos pais ou responsáveis pelos estudantes no ato da matrícula, para que conheçam as normas e as regras da escola e possam compartilhar com os filhos.

Para Fernando François de Oliveira Santos dos Santos, é fundamental tratar o tema sobre prevenção de drogas nas escolas. “O uso indevido de drogas deve ser prevenido sempre, e a informação é fundamental para a sensibilização sobre os riscos e perigos causados por elas. As ações de prevenção ao uso de drogas nas escolas não deveriam ser isoladas ou tratadas fora do contexto de uma prática pedagógica, mas de forma contínua”, ressaltou.

Segundo a diretora da escola, Marizete Cardoso, “a escola é parte da sociedade, dessa forma a importância de se promover um momento neste ambiente sobre o uso de drogas ilícitas se faz necessário, com o intuito de contribuir e se fazer refletir sobre o que está se fazendo com o assunto nas escolas e como podemos auxiliar nossas crianças e adolescentes na sua formação enquanto sujeitos”, concluiu.

Aula da Saudade

No dia 13 de dezembro, foi realizada a aula da saudade para os estudantes da 3ª série do ensino médio. A ação faz parte do projeto “Apadrinhamento Afetivo”, que tem como objetivo promover estratégias na escola, para evitar a evasão e garantir a aprendizagem.

Nesse projeto, os estudantes participam de ações diárias, pelos padrinhos, que os acolhem e ajudam a melhorar a autoestima dos estudantes. Os padrinhos são professores, servidores da unidade escolar ou pessoa da família dos estudantes que desejam contribuir com o processo de ensino e aprendizagem.

A diretora da unidade destacou a importância de registrar a passagem dos estudantes pela escola. “Cada estudante recebeu homenagem, além de realização de dinâmicas de grupos e distribuição de presentes. Foi emocionante e divertido o trabalho”, destacou.

Jornal Escolar

No dia 11, foi a conclusão do trabalho sobre o jornal escolar, projeto que é desenvolvido na disciplina de Língua Portuguesa durante o ano letivo. Os estudantes vão até a Câmara Municipal da cidade, e também à Rádio local para divulgação, onde explanam para a comunidade o trabalho realizado a cada bimestre.

O objetivo dessa ação é divulgar bimestralmente as ações e os projetos da unidade de ensino e aumentar o interesse dos estudantes pela escola.

Segundo Eleoterio Silva Ribeiro de Freitas Neto, presidente da Câmara de Vereadores de Almas, ações diversificadas devem ser promovidas pelas escolas. “O Colégio Abner Pacini tem deixado claro o tipo de aluno que deseja formar, um estudante que esteja preparado para enfrentar os desafios a ser encarados na vida e no mercado de trabalho. Isso também é uma prestação de contas do trabalho da escola para com a comunidade”, destacou.