Produtores do Bico podem ter acesso facilitado a crédito graças a parceria firmada entre Ruraltins e Banco do Brasil.

0
70
residente Ruraltins, Thiago Dourado, e o Superintendente Comercial do Banco do Brasil, Raul Mohamed, assinam termo de parceria para que o órgão atue como agente de crédito rural

Com objetivo de agilizar as operações de crédito rural e facilitar o acesso dos agricultores, principalmente as linhas de financiamentos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), o presidente do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), Thiago Dourado, e o Superintendente Comercial do Banco do Brasil, Raul Mohamed, assinaram nesta quarta-feira, 4, um termo de parceria para que os escritórios do órgão atuem como agentes de crédito rural.

A proposta é que os técnicos passem por um processo de capacitação na operação do sistema do Banco do Brasil, envolvendo o encaminhamento de toda documentação necessária, relativa aos projetos de financiamentos, para análise do banco, facilitando assim a vida do produtor que só irá a agencia para assinatura do processo. Pela prestação conjunta dos serviços, serão geradas receitas ao Instituto, para reestruturação dos escritórios e aquisição de equipamentos de trabalho.

“O Ruraltins tem papel fundamental no apoio, capacitação e acompanhamento dos produtores e essa parceria vem para somar com esse trabalho e gerar riquezas para os pequenos produtores, tornando-os mais competitivos. Tenho certeza que será um sucesso”, avaliou o superintendente comercial do Banco do Brasil, Raul Mohamed.

Para o presidente do Ruraltins, Thiago Dourado, a parceira fortalece não só o produtor, como também a extensão rural, que tem entre seus objetivos promover a sustentabilidade, por meio de políticas públicas e atividades que promovam a organização produtiva no campo, aliadas ao desenvolvimento econômico.

“Nós queremos fortalecer o agricultor, dando a ele condições de colocar produtos de qualidade no mercado, atendendo assim as demandas de um público cada vez mais exigente. Vamos trabalhar muito em cima de diagnósticos nos cinco maiores polos do Tocantins, analisando esse consumo para vocacionar as cadeias produtivas. O crédito rural é essencial para o pequeno produtor, e no sentido de ampliar o acesso formalizamos essa importante parceria com o Banco do Brasil”, avaliou o gestor do Ruraltins.

Atualmente, o Ruraltins conta com 97 escritórios em todas as regiões do Tocantins, onde os extenisonistas oferecem assistência e orientação quanto ao plantio e condução de lavouras para produção de grãos, cereais, frutas e hortaliças; criação de bovinos de corte e leite e pequenos animais (ovinos e caprinos); apicultura; piscicultura; projetos de irrigação; projetos de créditos rurais das atividades agropecuária financiadas pelos bancos. (Lúcia Brito)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui