Segunda-feira, agosto 15, 2022

AXIXÁ: Abandonados pela Prefeitura, moradores vivem sem energia elétrica há 9 meses

A TV Anhanguera e Portal G1, mostraram nesta sexta, 17, a situação deprimente que vivem moradores do Residencial Vitória, em Axixá, no Bico do Papagaio, devido a falta de energia elétrica. Eles precisam usar lamparinas e velas para enfrentar a escuridão. As famílias vivem sem energia elétrica há nove meses. Toda a parte elétrica já está pronta. Tem até alguns postes elétricos no bairro, mas sem função alguma.

Em nota, a Energia confirmou que havia elaborado um projeto para regularização da rede elétrica do bairro e aguardava a Prefeitura de Axixá apresentar a documentação necessária para começar as obras. A produção da TV Anhanguera não conseguiu contato com a prefeitura da cidade.

Em entrevista ao Jornal Anhanguera 1ª edição, o gerente de construção e manutenção da Energisa Alberto Cunha disse que a energia no local foi desligada porque a rede estava completamente irregular e por isso, os moradores corriam risco. Informou também que a obra para religação da energia começará em fevereiro. “Até início de março, teremos a obra concluída”, disse.

No comércio de Luiz Miranda, a geladeira virou depósito. O alvará da prefeitura que garante a legalidade do estabelecimento está na parede. Apesar disso, a venda de vários produtos fica comprometida. “Quando faltou energia, foi embora 85% do pessoal que me ajudava. Eu ajudava a vender e eles me ajudavam comprando”.

A lamparina é usada pelos moradores. “A gente tem que fazer a janta cedo, tem que cuidar de tudo cedo porque no escuro não dá. Não pode ligar o ventilador, não pode assistir [televisão], não pode nada porque não tem energia. Nós precisamos da energia”, destacou a dona de casa Marli Santos.

São 76 família vivendo no residencial. A área chegou a ser doada em 2005 para a instalação de uma indústria de beneficiamento de óleo vegetal, mas nunca saiu do papel. Toda a estrutura, incluindo galpão e maquinários está completamente abandonada.

Depois que o prazo dado para a instalação da indústria venceu, o município reconheceu a legalidade da associação dos moradores. Com essa parte resolvida, a associação procurou a Energisa para a tão esperada instalação da rede de energia no local.

“A Energisa deixou bem claro, quando teve audiência, que assim que a documentação fosse resolvida, a Energisa entraria fazendo toda a fiação e restabelecendo a energia. Está com nove meses que o povo está sofrendo no conjunto Vitória, sem energia”, afirmou o representante dos moradores, Ronaldo dos Santos.

A água gelada somente na garrafa térmica. É assim na casa da Magna Pereira, que sofre com o filho pequeno, que tem alergia. “Tem que ficar com mosqueteiro o tempo inteiro, calor demais, não tem como vestir uma roupinha. Ele tem alergia a picada de insetos, principalmente muriçoca, ficam as feridinhas no corpo”.

- Publicidade -- Publicidade -
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

POPULARES